Avaliação visual e instrumental de risco de queda de árvores

A arborização urbana demanda cada vez a adoção de novas tecnologias para analisar e prevenir o risco de queda. As árvores urbanas atingem portes elevados e, com o passar dos anos, o risco de apodrecimento e ataque de insetos aumentam, agravados pelas interferências dos equipamentos urbanos. 

No Brasil mais de 80% dos habitantes vivem em áreas urbanas, apesar das facilidades e do comodismo oferecido na área urbana; este meio apresenta padrões indesejáveis de qualidade ambiental, ou seja, padrões aquém dos desejáveis para uma vida saudável.

A utilização de árvores em vias públicas e privadas, bem como praças, parques, bosques, jardins são fatores que podem reverter esses padrões indesejáveis.

No município de Apiaí nota-se que estas áreas estão dispostas de forma esporádica e que, na ausência de árvores e praças em alguns bairros, os munícipes dispuseram a criar jardins e plantar árvores na calçada, a realidade dessas árvores hoje é de suma importância visto que estas trazem abrigo e alimento aos pássaros, diminuição da ilha de calor e ruído, diminui insolação e trazem um paisagismo melhor ao bairro.

A cobertura vegetal nos centros urbanos foi definida por (Nucci & Cavalheiro, 1999) como qualquer área composta por vegetação, seja essa arbórea, arbustiva ou mesmo herbácea.

Acompanhar a fitossanidade dos indivíduos arbóreos é uma ação contínua da Secretaria de Meio Ambiente, nessa quarta, dia 24 de abril, no CEAA-PNMMO, aconteceu o Workshop de Análise visual e instrumental, novas técnicas para avaliação de árvores com risco de queda e madeira estrutural.

Abordagens:

  • Avaliação visual;
  • Conceito de avaliar o individuo(alvo de pedido de supressão) e o alvo da queda;
  • Árvores e a biomecânica do indivíduo arbóreo;
  • Dendrocirurgia e conceitos;
  • Dendrocronologia e aspectos;
  • Cadastro e censo das árvores e elaboração de fichas de campo;
  • Ferramentas para análise;
  • Guia de Campo "Análise Visual de Árvores" - C. Mattheck;
  • Tecido saudável da árvore;
  • Análise instrumental na prática. 

Participaram do evento: Membros do COMDEMA de Apiaí, da equipe de poda, da Secretaria Municipal de Educação de Apiaí e entes da sociedade civil.

Os municípios vizinhos e parceiros: Guapiara, Capão Bonito, Itararé, Itaoca, Ribeira, Itapirapuã Paulista, Barra do Chapéu também participaram do evento.

 

Ler 815 vezes
Avalie este item
(0 votos)
SMMA - Apiaí


SMMA

Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Apiaí

(15) 3552-3945

Rua Joaquim Elisiário de Campos, nº 123, Jd. Aurora, Apiaí/SP

CEP. 18.320-000 


Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

Conselhos

Fale conosco

SMMA

Joaquim E. de Campos, 123 - Centro

Apiaí, SP - 18320-000

Fone: (15) 3552-3945

Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.